Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Oscar Arias defende Educação como prioridade

Postado por Simone de Moraes

8/09/2011 0:48


Crédito:

A presidente da Comissão de Assuntos Sociais da Câmara Legislativa, deputada Liliane Roriz (PRTB), esteve reunida com o ex-presidente da República da Costa Rica, Óscar Arias, que recebeu o prêmio Nobel da Paz em 1987 . O encontro ocorreu na tarde desta quarta-feira, em Québec, no Canadá, cidade sede da Confederação dos Parlamentares da América de 2011.

Entre os assuntos, Arias – que abriu oficialmente o evento – mostrou-se satisfeito ao conhecer dados sociais do Distrito Federal, como o de Brasília, que já alcançou um dos melhores índices de Desenvolvimento Humano do país. Para ele, o IDH é reflexo das prioridades de um governante. “Governar é decidir e nunca procrastinar”, afirmou Aria

Segundo o ex-presidente da Costa Rica, porém, um dos primeiros passos para melhorar a qualidade de vida de uma cidade é o investimento na educação. “Educar o povo é o melhor caminho para contribuir com a sociedade”, defendeu. Para ele, a educação precisa ser focada em especial à mulher, como elemento multiplicador de uma família. “Dizer que a educação é o caminho para mudar uma sociedade é o óbvio, mas temos que garantir que esse ‘óbvio’ saia do discurso e passe para prática”, afirmou.

O líder latino-americano pediu empenho na criação de políticas públicas para reduzir a evasão escolar, fato que interfere diretamente no desenvolvimento de uma nação. “Precisamos procurar mecanismos mais eficazes para manter a criança e os jovens nas salas de aula. Esse é o nosso desafio”, respondeu a presidente da Comissão de Assuntos Sociais.

Além da redução da evasão escolar, Arias também defendeu a revisão do sistema educacional dos países latino-americanos. Segundo ele, as escolas e as universidades focam o conteúdo no passado, no que já ocorreu, e com isso inibem o desejo pelo novo, pela descoberta, pelo futuro. “Para cada estudante que busca a ciência exata, a matemática, engenharia, por exemplo, temos três que querem ciências sociais, humanas. Isso é reflexo dessa política”, exemplificou.

COPA

 

A Confederação de Parlamentar das Américas (COPA) reúne representantes de 35 países com o objetivo de discutir e criar políticas públicas afins entre todas as nações participantes. A COPA foi lançada oficialmente em 1997, em Quebec, e desde então reúne-se praticamente uma vez por ano para a troca de experiências entre os países em quatro idiomas diferentes: português, inglês, espanhol e francês.

 

(Visited 2 times, 1 visits today)