Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Pressão, muita pressão…

Postado por Simone de Moraes

7/06/2011 21:37



A votação do projeto de lei complementar 01/2011, de autoria do deputado Chico Vigilante (PT), movimentou a Câmara Legislativa hoje à tarde (dia 07),com muitos conchavos fora e dentro do Plenário. Antes mesmo de começar a sessão o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis Automotivos do DF, José Carlos Ulhôa, conversava com os alguns deputados em particular no foyer da Casa, o teor da conversa não foi revelado, mas a votação do PL acabou sendo remarcada para a próxima terça-feira (14).

A proposta que “dispõe sobre a instalação de postos de abastecimento, lavagem e lubrificação nos estacionamentos de supermercados, hipermercados, shopping centers e similares no Distrito Federal”, já foi motivo de debates acirrados na Casa, quando da sessão ordinária transformada em comissão geral, realizado no dia 05.05.201, iniciativa do deputado Raad Massouh (DEM). Na oportunidade Ulhôa disse ser predadora a concorrência dos supermercados. “nos Estados Unidos e na França, os supermercados acabaram com os pequenos postos”.

Para amenizar o impacto do adiamento, o próprio deputado Chico Vigilante deu a informação no Plenário, justificando que a prorrogação se deu em razão das emendas apresentada pela deputada Eliana Pedrosa, emendas que ele, Chico, não havia concordado. Mas garantiu, “eu acredito em palavra dada, e os lideres nos garantiram que votarão o projeto na próxima terça”. O deputado Roney Nemer (PMDB), endossou a justificativa do colega acrescentando, “discordamos da proposta da deputada Eliana Pedrosa de incluir na lei uma limitação do preço dos combustíveis. Vamos discutir todas as emendas na reunião de bloco e, por isso, precisamos de mais tempo para a votação”, observou Nemer.

(Visited 1 times, 1 visits today)