Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Dia Mundial de Combate às Drogas

Postado por Simone de Moraes

27/06/2011 22:31


Crédito:

Autor do requerimento que institui a Frente Parlamentar de Combate ao Crack e à Dependência Química, o deputado Wellington Luiz (PSC) presidiu nesta segunda-feira (27), no auditório da CLDF, a Sessão Solene em homenagem ao Dia Mundial de Combate às Drogas. Estiveram presentes diversas autoridades, outros parlamentares, representantes da sociedade civil organizada e inúmeros convidados. Durante o evento ocorreu ainda a entrega de moções de louvor à pessoas que se dedicam à causa,  apresentações culturais de grupo ligados ao combate às drogas e, na Praça do Cidadão, foi montada uma exposição de artesanato, organizada por entidades que lutam contra às drogas.

O deputado Wellington Luiz inicialmente agradeceu a todos os presentes e elogiou a participação de diversas autoridades: “Isso demonstra comprometimento  de diversos segmentos da sociedade e que estamos no caminho certo”. O parlamentar voltou a afirmar que é preciso desenvolver ações integradas para enfrentar a guerra contra qualquer tipo droga, seja álcool, cigarro ou outras drogas como crack e cocaína. “Temos de buscar alternativas para um combate eficiente às drogas. Acredito que a questão das drogas não é apenas um problema da Segurança Pública, mas também da Educação e Saúde”.

Outro defensor da causa, que participou até o fim da sessão, foi o deputado Evandro Garla. Ele se mostrou indignado com a falta de ação dos governos: “Já sofri na pele o malefício das drogas e não desejo isso para ninguém. É preciso colocar em prática as políticas públicas que devem ser voltadas não apenas para o usuário, mas também as famílias”. O deputado concluiu sua fala dizendo: “Hoje meu nome não é Evandro, e sim Revolta”.

Outro discurso que emocionou os participantes foi o do representante do Fórum Brasília Contra as Drogas, José Jair, que foi dependente químico por 20 anos: “Sempre procurei ajuda e não obtive sucesso, seja nas comunidades terapêuticas ou nos Centros de Atenção Psicossocial (CAPs) do DF. E, duas décadas depois, as coisas não mudaram muito”, revela Jair, que se libertou das drogas por meio da religião e cobra ações mais efetivas de combate às drogas.

Também prestigiram a sessão solene os seguintes secretários de Estado: de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania, Alírio Neto; da Juventude, Fernando Neto; da Cultura, Hamilton Pereira; e da Criança, Dioclésio Campos. Participaram ainda: o conselheiro do Tribunal de Contas, Renato Rainha; representando a Diretora geral da PCDF, Mailine Alvarenga, o chefe da Assessoria Institucional da PCDF, Jurandir Teixeira; a diretora de Articulação de Políticas sobre Drogas do Ministério da Justiça, Carla Dalbosco; o promotor de Entorpecentes do Ministério Público do DF, José Theodoro Corrêa de Carvalho e o coronel Caetano Ferreira, representando o Secretário de Segurança.

Já os distritais Agaciel Macia (PTC) e Aylton Gomes (PR) também compareceram à sessão solene e se colocaram à disposição na luta contra as drogas.

Da Assessora do Deputado

Foto: Rinaldo Morelli/CLDF

(Visited 1 times, 1 visits today)