Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Combustível no DF é caso de policia

Postado por Simone de Moraes

17/03/2011 20:49


Crédito:

O deputado Chico Vigilante, líder do bloco PT-PRB, classificou a situação dos preços de combustível no Distrito Federal como “caso de polícia”, durante pronunciamento no plenário da Casa, na tarde desta terça-feira (17). O parlamentar fez um apelo aos colegas distritais para aprovar o Projeto de Lei Complementar 1/2011, de autoria dele, que dispõe sobre as instalações de postos de abastecimento, lavagem e lubrificação nos estacionamentos de supermercados, hipermercados, shoppings centers e similares no Distrito Federal.

Vigilante chamou de “cartel” a rede que comanda o setor de combustíveis no DF. Relembrou os três aumentos de preço do combustível nas últimas semanas. “Não tem nenhuma justificativa para esse aumento. Falam na alta do preço do álcool, mas o gás de cozinha também sobe”, ressaltou. “Em qualquer posto aqui no DF, o preço é o mesmo. Não tem competição nenhuma. E não adianta falar que a construção do posto foi cara, porque os terrenos foram doados”, ressaltou o parlamentar.

O deputado disse ainda que solicitou ao secretário de Segurança Pública, Daniel Lorenz, para investigar o preço do combustível praticado no DF, denominado por ele de “prática abusiva” , “ganância” e “perversidade”. O pedido será oficializado e encaminhado também à Polícia Federal.

O parlamentar destacou que dois estabelecimentos já têm a estrutura construída. Só falta comercializar o produto. “Por que não pode ter posto de gasolina nesses locais aqui no DF? Em Goiânia tem, Belo Horizonte. E em outras muitas Unidades da Federação. Nós precisamos também aqui no DF”.

(Visited 1 times, 1 visits today)