Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Celina Leão nega envolvimento no esquema “Caixa de Pandora”

Postado por Simone de Moraes

18/03/2011 20:17


Crédito:

Após a divulgação da gravação em que Jaqueline Roriz e seu esposo recebem dinheiro de Durval Babosa, ex-secretário de Relações Institucionais do governo Arruda, especula-se que existam mais vídeos com outras pessoas recebendo dinheiro. A deputada distrital Celina Leão (PMN), que foi chefe de gabinete de Jaqueline, é apontada como “protagonista” de uma suposta gravação, onde ela também teria recebido dinheiro de Barbosa. Com o isso, na sessão plenária desta quinta-feira (18), a parlamentar subiu à tribuna para negar sua participação no esquema.

Celina recordou as eleições passadas e afirmou que não é uma “traidora”, e que mesmo diante dos escândalos envolvendo pessoas de seu meio político, ela manteve-se como oposição. “Por muito menos, vários companheiros que participaram com a gente na eleição, não caminharam com a dona Weslian no segundo turno. Eu caminhei até o final”, disse. A distrital ainda mencionou que teve dificuldades na campanha por falta de apoio de seus correligionários, inclusive com a deputada distrital Liliane Roriz (PRTB). “Nós não tivemos uma campanha de amigas, tivemos uma campanha de rivais”, dispara.

A deputada afirmou já ter sido convidada para participar da base do governo, e que pelas “mágoas que passou na sua campanha”, ao fim poderia ter ido para a base de Agnelo, mas não o fez pelo comprometimento com seus eleitores. A distrital diz que o escândalo dos vídeos envolvendo muitos de seus correligionários, não aceitou caixa dois. “Eu deputada Celina Leão, nunca peguei um centavo da mão de Durval Barbosa, saiu isso na mídia não sei se é porque eu sou da oposição, não sei o motivo, mas não tenho medo de falar”, desabafa.

A parlamentar ainda cita que quando se sabe quem é sua oposição, é uma coisa, mas quando essa oposição vem de sua base aliada, é outra. Ela relata que muitas pessoas não queriam a sua vitória, e atribui sua eleição como sendo um “milagre de Deus”. “Durante os momentos mais difíceis Deus sempre mandou alguém vir falar comigo, algumas coisas sobrenaturais sempre aconteceram na minha campanha”.

Após seu pronunciamento, a distrital teve o apoio de alguns colegas da casa. Um deles foi o deputado Olair Francisco (PTdoB-DF), que fez uso da palavra em defesa da deputada, e, em seguida, abraçou a parlamentar em solidariedade. A deputada Eliana Pedrosa (DEM), e o líder do governo na Câmara, o deputado Wasny de Roure (PT), também manifestaram seu apoio.

(Visited 1 times, 1 visits today)