Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Novo partido poderá ter tratamento diferenciado, diz Marco Maia

Postado por Simone de Moraes

14/07/2011 16:50



 

Portal da Câmara – O presidente da Câmara, Marco Maia, afirmou nesta quinta-feira, durante entrevista coletiva, que a chegada de um novo partido, o PSD, deve provocar mudanças tanto na estrutura física quanto na composição política da Casa. “O partido chega com força à Câmara, com projeções apontando que terá uma bancada de 45 a 50 deputados, podendo se transformar na terceira ou quarta maior bancada dentro da Câmara”, afirmou Maia.

O presidente ressaltou que o novo partido será composto em sua maioria por parlamentares experientes, muitos deles vindos de partidos de oposição ao governo. “A expectativa é que ele [o PSD] possa ajudar no processo de discussão e de debate na casa, sobretudo em razão da experiência de seus parlamentares”, disse. Ele acrescentou que aparentemente o partido comporá a base de sustentação na Câmara do governo Dilma Rousseff.

Problema
Marco Maia reconheceu, contudo, que terá problemas para atender a demandas do novo partido quanto a espaço e pessoal na estrutura da Casa. “Não é uma legenda que começa com 5 ou 10 deputados, mas, sim, um partido que chega com quase 50 parlamentares e que, portanto, merece um tratamento diferenciado para que possa ter uma atuação organizada dentro da Casa”, afirmou Maia.

“Ninguém pode imaginar que o PSD vai passar 3 anos e meio sem ter assessoria, sem ter espaço, embora ainda não se tenha uma solução para isso”, acrescentou.

(Visited 2 times, 1 visits today)