Câmara em Pauta Olair e Pedrosa comandam a CPI do PróDF
Share on facebook
Compartilhar
Share on twitter
Tweetar

Olair e Pedrosa comandam a CPI do PróDF

Eliana Pedrosa (Dem), e o deputado Olair Francisco (PTdoB), foram eleitos na tarde dessa terça-feira (dia 17) para comandar a tão esperada CPI do Pró-DF. A eleição ocorreu no Plenário da Câmara com a indicação de Eliana para presidente e Olair Francisco para vice-presidência, que disputaram o cargo com os deputados Chico Leite e Israel Batista.

A CPI do Pró-DF vai investigar a chamada “Máfia dos Terrenos”, que através do programa Pró-DF, que concede desconto para aquisição de terreno público, isenção fiscal e tratamento tributário especial para empresas que se instalarem no entorno de Brasília, e  assegurarem maior oferta de empregos na capital do país, virou um tremendo festival de ilegalidade. O esquema que começou no governo de Joaquim Roriz fez graduação no governo Arruda, e se especializou no governo tampão de Rogerio Rosso.

Segundo investigação preliminar da Secretaria de Transparência do GDF, os terrenos que tinham como finalidade abrigar empresas e indústrias, com  isenção fiscal e outros benefícios acabaram  na mão de espertalhões que venderam os teremos para diversas outras finalidades. Fontes da Secretaria de Transparência revelam, que só no ano de 2010, durante o governo Rosso, mais 381 terrenos foram distribuídos a torto e a direito. Com especial desprendimento no mês de outubro, mês das eleições, onde 51 lotes foram generosamente doados para “empresário”.

Há ainda suspeita, que o esquema tenha alimentado o Mensalão do DEM, como revelou o ex-secretário de Relações Institucionais,  Durval Barbosa, em depoimentos à Policia Federal. Segundo Durval, foram pagos mais de R$ 50 milhões em propinas para que os funcionários do GDF, transformassem  glebas rurais em urbanas, aumentando o valor de venda dos terrenos, em até 1.000% a mais que seu valor venal.

Alírio no Plenário

Durante a votação para escolha da presidência e vice-presidência da CPI Pró-DF, para surpresa de todos os presentes, o licenciado deputado distrital e atual Secretário de Justiça do governo do Agnelo Queiroz, Alirio Neto, adentrou o Plenário. Burburinho no recinto. Alirio conversou com vários deputados, e passados algum tempo, sumiu no corredor de acesso dos parlamentares, acompanhado do Presidente da Casa, deputado Patrício.

Quando finalmente apareceu, Alirio deu de cara com a imprensa, curiosa para saber o que ele fazia na Câmara Legislativa em dia de votação da CPI do PróDF. O Secretário justificou dizendo ter a vindo a Casa para falar de verbas para sua pasta com os colegas deputados, e depois emendou: “é uma coincidência”.

Alirio está sendo investigado pelo Tribunal de Contas do Df que apura  se ele foi beneficiado no governo Arruda, com um desconto de mais de 50% para que sua empresa Solar Agro Negócios ,comprasse terreno público de 3.000 metros quadrados, avaliado em ais de R$ 800 mil.

Veja entrevista:http://www.youtube.com/watch?v=1WQiIzMRkj8

 


 

 

(Visited 1 times, 1 visits today)
Share on facebook
Compartilhar
Share on twitter
Tweetar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Artigos relacionados

Nos apoie:

Chave PIX:

13.219.847/0001-03

Chave PIX:

13.219.847/0001-03

Nos apoie:

Chave PIX:

13.219.847/0001-03