Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Blecaute no twitter combinado para o sábado não teve muitas adesões

Postado por Simone de Moraes

28/01/2012 20:34


Crédito:

 

Após o anúncio feito na quinta (26) pelo Twitter de passar a censurar conteúdos em alguns países, usuários do mundo todo tentam mobilizar um grande número de pessoas para um boicote para este sábado (28). A ideia é que o maior número de pessoas possível não use a rede social, mas até o momento, o boicote não pareceu ter funcionado. Somente em Cuba, twitteiros não utilizaram o microblog.

O tema esteve durante a tarde desta sexta (27) entre os 10 mais comentados do mundo e teve confirmações de adesão de gente de todas as partes do globo, com postagens em diversos idiomas como português, inglês, alemão, espanhol e árabe.

Como não poderia ser diferente, a convocação partiu do grupo de “hacktivistas” Anonymous, que ficaram incomodados com a possibilidade de censura no microblog e criticaram a possibilidade de o Twitter ter se rendido aos censores de certos Governos, garantindo mercado para suas atividades e ter expansão internacional.

Os hacktivistas criticaram a atitude da empresa em um post onde questionaram 'o que se podia esperar de uma companhia que recebe investimentos de magnatas da Arábia Saudita?'.

Censura – Nesta quinta (26) o Twitter afirmou em seu blog oficial, que vai começar a atender a exigência de países que exigem censura e bloquear determinados conteúdos publicados nos perfis. Segundo o anúncio, a postagem ficará inacessível para usuários do país em que a censura vigore, mas continuará visível para o restante do mundo.

Ainda de acordo com o comunicado, até então, a única maneira para atender esses países era removendo o conteúdo globalmente e a partir de agora já se pode reter o conteúdo para usuários de um país específico, mantendo-o disponível para o resto do mundo, informa.

A empresa informou que ao bloquear alguma informação, vai comunicar ao usuário e que o microblog irá publicar os pedidos de censura em parceria com a Organização Não Governamental (ONG) Chilling Effects, que defende a liberdade de expressão.

Confira o comunicado oficial do Twitter  aqui. Texto em inglês. 

(Visited 1 times, 1 visits today)