Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Confiante na impunidade, Flávio Bolsonaro não comparece novamente ao MP e comunica ausência via rede social

Postado por Simone de Moraes

10/01/2019 19:06



Debochando da Justiça e confiante na impunidade, o senador Flávio Bolsonaro (PSL) informou, por meio de comunicado via perfil no Facebook, que não comparecerá ao MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) nesta quinta-feira (10) –ele era esperado para depor sobre movimentações atípicas identificadas em conta de seu ex-assessor Fabrício Queiroz pelo Coaf (Conselho de Controle de Atividade Financeiras), órgão do Ministério da Justiça e Segurança Pública.
O filho mais velho de Jair Bolsonaro (PSL) disse que, como não é investigado pela Promotoria, sua defesa solicitou os autos do processo para “tomar ciência dos fatos”. Ele se comprometeu a agendar uma outra data para o depoimento após ter acesso às investigações. “Reafirmo que não posso ser responsabilizado por atos de terceiros, como parte da grande mídia tenta, a todo custo, induzir a opinião pública”, afirmou o senador.
O policial militar José Carlos de Queiroz era motorista de Flávio na Alerj (Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro). O documento do Coaf, anexado à investigação da Operação Furna da Onça que levou dez deputados estaduais à prisão no Rio, revelou que depósitos feitos em espécie na conta do ex-assessor coincidiam com as datas de pagamento na Alerj.
Nove assessores e ex-assessores de Flávio repassaram dinheiro para o motorista. O senador foi convidado pelo MP no dia 21 de dezembro a depor nesta quarta-feira –na ocasião, a data fora informada pela Promotoria à imprensa. No entanto, Flávio disse hoje que só foi notificado da data do depoimento na última segunda-feira (7).
Por prerrogativa parlamentar, como planejou o senador Flávio Bolsonaro, ele optou por comparecer só em outra data.
Fonte: Com informações do UOL
(Visited 1 times, 1 visits today)