Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Show de preconceito: ascensão dos pobres enfurece velha classe média, diz pesquisa

Postado por Simone de Moraes

19/11/2011 17:00


Crédito:

A classe média tradicional que odeia pobre é a mesma que vangloria a elite econômica, mesmo sendo rejeitada por esta elite. Sensatez e vergonha na cara passam longe de quem integra essa estatística.
Os brasileiros da classe média tradicional consideram que o aumento do consumo da população emergente resultou na piora de alguns serviços.

Segundo pesquisa do Instituto Data Popular, 48,4% desses consumidores acham que houve uma piora na qualidade dos serviços depois que a população emergente, que forma a nova classe média, passou a frequentar novos lugares.

Ainda de acordo com o estudo, 62,8% reclamam do aumento da fila nos cinemas.

A pesquisa mostra também que 55,3% dos consumidores consideram que as empresas deveriam oferecer produtos diferentes para ricos e para pobres.

Segundo o estudo, 49,7% deles preferem frequentar ambientes com pessoas de mesmo nível social.

Para 16,5%, pessoas malvestidas deveriam ser barradas

Os dados do Data Popular mostram que, para 16,5% dos integrantes da classe média tradicional, pessoas malvestidas deveriam ser barradas em alguns estabelecimentos; 26,4% acham que a existência de estações de metrô aumenta a frequência de pessoas indesejáveis em determinadas regiões e, para 17,1%, todos os estabelecimentos deveriam ter elevadores separados.
Fonte: Pragmatismo Político
(Visited 1 times, 1 visits today)