Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Nem todos os distritais prestaram contas da verba indenizatória de junho

Postado por Simone de Moraes

26/07/2012 12:58


Crédito: CLDF

Já é público e notório que todos os meses, os deputados distritais dispõem de R$ 20 mil, para custear gastos eventuais no gabinete, como combustível, locação de imóveis e veículos, consultorias e divulgação de atividade parlamentar. Também é sabido que há uma lei, anterior à Lei de Acesso à Informação (LAI), que apregoa a transparência nos gastos da verba indenizatória, com a prestação de contas e apresentação dos recibos. A parte de receber, certamente é lembrada por todos, já prestar as contas, é que são elas. 

No mês de junho, na Câmara Legislativa do Distrito Federal, dos 24 deputados, 10 “esqueceram” de gastar ou de mostrar como gastaram. Dos que prestaram contas, o campeão de gastos em junho foi Wasny de Roure (PT), com gastos excedentes de cerca de R$ 7 mil. Foram exatamente R$ 27.165,17. O valor é cumulativo de um mês para outro. Em segundo lugar, ficou Celina Leão (PSD), com gastos de R$ 22.124,34. 

Já Arlete Sampaio (PT) foi a mais econômica e gastou apenas R$ 3.881,55 em junho. Em segundo lugar, Paulo Roriz (DEM) que apresentou gastos de R$ 4.006,79. Não prestaram contas até o fechamento do demonstrativo consolidado os deputados Chico Vigilante, Claudio Abrantes, Cristiano Araújo, Dr. Charles, Evandro Garla, Israel Batista, Joe Valle, Liliane Roriz, Luzia de Paula e Siqueira Campos. 

Clique aqui para ver a planilha de gastos dos deputados distritais em junho.

Leia também:

Alguns distritais não divulgam gastos com verba indenizatória

Deputados distritais apresentam prestação de verba indenizatória do 1ª trimestre

(Visited 3 times, 1 visits today)