General Villas Bôas diz que escassez de recursos compromete fiscalização de fronteiras

“[A segurança das fronteiras] fica comprometida, bem comprometida. As operações de fronteira já estão sendo reduzidas. Porque na medida que falta combustível e outros insumos necessários, se torna impossível prosseguir no mesmo ritmo que estava antes”, disse Villas Bôas, após a cerimônia de apresentação dos oficiais-generais promovidos, no Palácio do Planalto.

Mauro Santayana: O general e os golpistas “tresloucados”

Para o Comandante Villas, quem exige a volta dos militares ao poder, invadindo o plenário da Câmara dos Deputados é “tresloucado” ou “maluco”, e os militares, que estariam escaldados e imbuídos de sua responsabilidade constitucional, teriam “aprendido a lição” com relação a não meter-se na seara política, após sua longa experiência com o regime militar.