Compartilhar
Tweetar

Comitê Executivo da UITBB decide resolução em solidariedade ao povo da Palestina

Publicado em: 25/10/2023

A UITBB organizou uma reunião online extraordinária na terça-feira, 24 de outubro, para expressar sua solidariedade à Palestina. Membros afiliados e amigos de todo o mundo se juntaram ao encontro, expressando sua condenação contra os crimes de Israel, por meio da plataforma digital Zoom.

Camaradas de Chipre, Grécia, Peru, Portugal, Índia, Palestina, Brasil, Chile, Uruguai, Colômbia, Líbano, Síria e Galiza estiveram presentes, expressando sua solidariedade e apoiando a justa causa do povo palestino.

A presidente da FLEMACON, Lúcia Maia, e dirigentes de sindicatos latino-americanos, como Edson Cruz da FETRACOM-BASE, Raimundo Brito do SINTRACOM-BA, Pedro Mesquita do SindiMarceneiros-SP, Manoel Fernández da SUTIMAC Colômbia, Ivan Hoyos da FTCCP, Juan Sintec CNTCh-Chile, Daniel Diverio SUNCA Uruguay, também presidente da UITBB, e Ednalva Bispo da Frente Mulher FLEMACON.

Lúcia Maia saudou os presentes lembrando a poetisa Heba Abu Nada, morta em um bombardeio israelense à Palestina: “Uma saudação calorosa a todos os presentes. Exprimo a minha indignação, bem como a minha esperança e solidariedade para com o povo palestiniano. Quero prestar homenagem à Resistência Palestiniana, emprestando a minha voz à poetisa palestiniana Heba Abu Nada, de 32 anos, morta num bombardeamento israelita na Faixa de Gaza. Com isso, milhares de seres humanos também foram e estão sendo mortos pelos contínuos ataques terroristas de Israel, com o apoio do império dos EUA, contra o povo da Palestina.

Um dia antes de ser morta, Heba escreveu:

“Se morrermos, saibam que estamos satisfeitos e firmes. Diga ao mundo, em nosso nome, que somos um povo de verdade. Ah, mundo louco… que degrada a vítima e exalta seu carrasco! Que haja uma dimensão, um canto neste vasto universo onde a alegria, o riso e a dignidade destas milhares de crianças e jovens possam existir, difundir-se e continuar a iluminar”.

O encontro, liderado pelo secretário-geral da UITBB, Michalis Papanikolaou, foi marcado pela indignação e protesto dos líderes sindicais de classe contra o genocídio que Israel está promovendo contra o povo palestino. E pela emoção da sindicalista e ativista palestina, Suzan Salam, que contou em lágrimas o sofrimento que o povo da Palestina está vivendo, com os contínuos ataques assassinos de Israel contra a Faixa de Gaza.

Na reunião, foi aprovada a seguinte resolução a favor da Palestina:

UITBB se solidariza com o povo palestino

A União Internacional dos Sindicatos dos Trabalhadores da Construção, Madeira e Materiais de Construção (UITBB) solidariza-se com o povo palestiniano e condena veementemente os recentes crimes cometidos pelo Governo de Israel.

O derramamento de sangue já fez com que milhares de pessoas perdessem a vida e muitas outras ficassem feridas, enquanto os palestinos em Gaza vivem sem comida, água e eletricidade, enquanto Israel se prepara para destruir completamente a Faixa de Gaza. Expressamos nossa mais profunda preocupação e pedimos o fim imediato da agressão e da violência em curso.

É claro que a causa principal de tudo isto é a ocupação contínua da Palestina por Israel e os crimes e bloqueios diários de Israel a Gaza perpetrados contra o povo palestiniano. Os recentes acontecimentos na Palestina expuseram mais uma vez a brutalidade e o desprezo pela vida humana que se tornaram sinónimo da ocupação israelita. Relatos de vítimas civis, destruição de casas e deslocamento de famílias minam qualquer perspectiva de uma paz justa e duradoura na região.

Lamentavelmente, a UE e os EUA fecham os olhos aos crimes e massacres contra o povo palestiniano e contribuem para a continuação da ocupação.

A UITBB acredita firmemente nos princípios do direito internacional, dos direitos humanos e do direito à autodeterminação. Afirmamos os direitos do povo palestino de viver em paz, segurança e dignidade, livre de opressão e ocupação, nas fronteiras de 1967, com Jerusalém Oriental como sua capital. É com grande angústia que assistimos às contínuas violações destes direitos fundamentais na Palestina.

Estaremos sempre ao lado do povo palestiniano na sua luta pela liberdade, justiça e igualdade. Continuaremos a mobilizar nossos membros e aliados globalmente para aumentar a conscientização, fazer lobby e defender o fim dos crimes cometidos contra a Palestina. Juntos, trabalharemos incansavelmente por um futuro em que todas as pessoas da região possam viver em paz e prosperidade.

A UITBB convoca seus afiliados e amigos, sindicatos conscientes de classe e militantes em todo o mundo a organizar ações, protestos e manifestações em todo o mundo nos próximos dias em apoio à justa causa palestina.

Solidariedade com a Palestina!

Secretaria da UITBB

(Visited 1 times, 1 visits today)
Compartilhar
Tweetar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos relacionados

Nos apoie:

Chave PIX:

13.219.847/0001-03

Chave PIX:

13.219.847/0001-03