Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Gurgel pedirá novas diligências em inquérito sobre Agnelo Queiroz

Postado por Simone de Moraes

17/11/2011 7:43



Agência Brasil – O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, disse hoje (16) que vai pedir ao Superior Tribunal de Justiça (STJ) novas diligências no inquérito envolvendo o governador do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT), até o final da semana. O governador é acusado de participar de um esquema de desvio de verbas do Programa Segundo Tempo, do Ministério do Esporte.

“Provavelmente ainda esta semana devemos pedir uma série de diligências relacionadas mais diretamente ao governador Agnelo”, declarou. Quando o caso ainda estava no Supremo Tribunal Federal (STF), antes de Orlando Silva deixar o cargo de ministro da pasta, Gurgel havia pedido para ouvir Agnelo, mas a relatora do processo na época, ministra Cármen Lúcia, negou a solicitação.

Desde que Orlando Silva saiu do Ministério do Esporte, o caso foi para o STJ porque a corte é a instância em que os governadores respondem a acusações criminais. De acordo com Gurgel, só agora o Ministério Público está analisando as implicações de Agnelo no esquema. “Este inquérito que diz respeito mais diretamente ao governador, na verdade não tinha sido ainda objeto de um exame mais detalhado da Procuradoria-Geral da Republica. É o que está se fazendo agora”, disse.

O procurador também declarou que mantém a impressão inicial de que os envolvimentos de Agnelo Queiroz e de Orlando Silva estão conectados. “Eu mantenho aquela impressão inicial – isso pode vir a ser modificado ao longo da investigação – de que na verdade os fatos se sucedem no tempo. Quer dizer, seria algo que teria se iniciado na gestão do hoje governador Agnelo, e que teria tido prosseguimento na gestão do então ministro Orlando Silva. Continuo com essa ideia”.

(Visited 1 times, 1 visits today)