Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Coitadinho e injustiçado, Jair Bolsonaro ameaça cassar concessão da Globo

Postado por Simone de Moraes

30/10/2019 6:33


Crédito: Reprodução


O senhor Jair Bolsonaro é uma fraude grosseira, que gente grosseira e ignorante colocou no poder. Uma catástrofe para um país que se pretendia ascender para o 1° mundo. Um ignorante, tosco, inútil que ficou quase trinta anos no Congresso circulando no baixo clero da Câmara por total falta de empatia com o trabalho parlamentar.

Oportunizado por um canalha que vendeu a pátria por um projeto onde o judiciário era o poder político,  esse néscio, chegou a presidência da República.

A live tosca que ele apresenta como alternativa de comunicação é a cara da sua ignorância para exercer o cargo de presidente. Ele não sabe a importância do que é dito e como o que foi dito pode ser usado. Chora o tempo todo as pitangas derramadas, desde do seu “pseudoatentado”, onde acusa mais uma vez um partido político, até a tentativa de “esculhambá-lo” apresentando sua família e de sua mulher como é de fato: cheia de pontas e dobras.

Partir para cima da TV Globo com virulência, depois que o jornal o ligou à execução de Marielle Franco, é só mais um apelo desesperado para que  seus cegos seguidores nas redes socais (milhares robôs pagos com dinheiro público), tenham um argumento para justificar tantos escândalos.  Ameaçar cassar a concessão da emissora na live é só parte do desespero: “Vocês são canalhas, patifes e querem acabar com o Brasil”.

Seu descontrole emocional prova, que, Jair Bolsonaro não tem condições de governar o maior país da América Latina.

Na sequência de insultos disse: “Estou no meu limite com vocês!”

Ele ainda disse: “por que esta patifaria por parte de vocês? Deixem eu governar o Brasil. Vocês perderam. Se o processo da renovação da concessão de vocês não estiver limpo, não terá concessão nenhuma. Vocês o tempo todo infernizam a minha vida, porra!!!”

A sequência de frases, um tanto desconexas pelo estado emocional do presidente, é:

– Um jornalismo podre da TV Globo. Vocês não prestam!

– Patifes, canalhas da TV Globo”

– Eu não tinha motivo nenhum pra matar quem quer que seja no Rio de Janeiro.

– Vocês não têm juízo, TV Globo!

– Vocês querem acabar com o Brasil!

– Se o processo da renovação da concessão de vocês não estiver limpo, não terá concessão nenhuma.

– Vocês o tempo todo infernizam a minha vida, porra!!!

– Vocês não têm vergonha na cara.

– Querem empurrar a Marielle Franco para cima de mim!

Veja o vídeo:

 

Veja a íntegra da nota da Globo:
“A Globo não fez patifaria nem canalhice. Fez, como sempre, jornalismo com seriedade e responsabilidade. Revelou a existência do depoimento do porteiro e das afirmações que ele fez. Mas ressaltou, com ênfase e por apuração própria, que as informações do porteiro se chocavam com um fato: a presença do então deputado Jair Bolsonaro em Brasília, naquele dia, com dois registros na lista de presença em votações. O depoimento do porteiro, com ou sem contradição, é importante, porque diz respeito a um fato que ocorreu com um dos principais acusados, no dia do crime. Além disso, a mera citação do nome do presidente leva o Supremo Tribunal Federal a analisar a situação.
A Globo lamenta que o presidente revele não conhecer a missão do jornalismo de qualidade e use termos injustos para insultar aqueles que não fazem outra coisa senão informar com precisão o público brasileiro. Sobre a afirmação de que, em 2022, não perseguirá a Globo, mas só renovará a sua concessão se o processo estiver, nas palavras dele, enxuto, a Globo afirma que não poderia esperar dele outra atitude. Há 54 anos, a emissora jamais deixou de cumprir as suas obrigações.”
(Visited 1 times, 1 visits today)