Responsive Ad Slot

Apelo: governistas sondam Maia sobre discursos da denúncia contra Temer

Postado por Adairton Sousa

24/10/2017 11:59


Crédito: Reprodução

Michel Temer escalou nesta segunda-feira (23/10) líderes aliados para sondarem o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, a respeito da possibilidade de encurtar os discursos dos deputados na sessão desta quarta-feira (25/10), que votará a denúncia apresentada pela Procuradoria Geral da União contra o presidente da República.

Maia, segundo o Blog da Sadi  apurou, disse aos interlocutores do presidente que não fará movimento nem para um lado nem para o outro.

O Planalto quer acelerar a votação da denúncia por obstrução de Justiça e organização criminosa.

A principal preocupação do presidente da República, hoje, é com o quórum para a votação.

Maia também conversou com deputados da oposição nesta segunda. A oposição se articula para tentar adiar a votação.

Nesta terça-feira (24/10), Temer vai dedicar sua agenda para receber parlamentares de olho nos votos dos indecisos.  O presidente foi convidado para um jantar na casa do vice da Câmara, Fabio Ramalho.

Em encontro no Palácio da Alvorada nesta segunda-feira, Temer disse aos aliados que quer discutir a retomada da agenda econômica pós-denúncia.

Rodrigo Maia também discute uma agenda econômica de iniciativa da Câmara para divulgar a partir de quinta-feira.

Segundo aliados de Temer, o presidente vai tentar uma nova conversa com Maia antes da denúncia.

 

 

Blog Andreia Sadi– G1