Responsive Ad Slot

Professores da rede pública vão trabalhar com a temática “água” orientados pela Caesb

Postado por Luan

28/09/2016 15:05


A Caesb, em parceria com o Serviço de Limpeza Urbana (SLU), a Adasa e a Secretaria de Educação, deu início ao projeto Professor do Lago. A Companhia irá proporcionar cinco encontros presenciais de quatro horas cada, com início no dia 29 de setembro, às 14h, no Parque Nacional de Brasília. A ideia principal é envolver educadores do ensino fundamental (6º ao 9º ano) em assuntos relacionados à bacia do Paranoá e ao projeto captação no Lago, além de motivá-los a trabalhar a temática “Água e Meio Ambiente” em sala de aula.

Nesta primeira edição, o curso “Gestão Sustentável da Água e dos Resíduos Sólidos” será ministrado para turmas de 30 professores, distribuídos entre rede pública e escolas privadas. Além de aulas teóricas, os participantes realizarão visitas técnicas e vão receber apostila contendo todas as informações para que possam multiplicar o conteúdo recebido em sala de aula.

Dois módulos teóricos serão realizados no auditório da ETA Brasília. A visita à uma captação será em parceria com a administração do Parque Nacional, no reservatório da barragem de Santa Maria. Também acontecerão visitas às Estações de Tratamento de Água e de Esgotos.

Os objetivos das próximas edições é incentivar que pelo menos 70% dos professores desenvolvam projetos com a temática “Água e Saneamento” em suas escolas e receber as turmas de pelo menos 50% dos professores no circuito das unidades operacionais da Empresa. Com isso, a Caesb quer ampliar a rede de proteção e preservação do Lago Paranoá, futura fonte de captação de água para o abastecimento do Distrito Federal.

A analista de Sistemas de Saneamento da Caesb, Karina Bassan, explica a importância deste projeto, que tem como finalidade estabelecer contato entre educadores e atividades da Companhia. “Nosso objetivo é ter o professor como parceiro, envolvido nas áreas de atuação da Caesb, além de estimular o bom senso no uso da água”, conclui.