Responsive Ad Slot

“Me sinto como Carlos Magno’, mas era Arthur da Távola Redonda que Temer queria dizer

Postado por Luan

11/09/2016 17:40


Crédito: Montagem Simone de Moraes

O presidente efetivado pelo Senado, Michel Temer, em entrevista de quase duas horas ao jornal O Globo neste domingo (11), fez muito esforço para parecer erudito. Temer relatava o cotidiano no Palácio do Planalto quando no final da entrevista, comparou-se ao imperador francês Carlos Magno, em referência as reuniões com seus ministros e ao sentar na cadeira da presidência.

E afirmou:

“Eu me sinto aqui como Carlos Magno. Quando eu tinha 11 anos de idade, eu ganhei um livro chamado “Carlos Magno e os 12 cavaleiros da Távola Redonda” e eu li aquele livro e era assim: os doze cavaleiros”.

Temer foi motivo de piada nas redes sociais ao misturar referências históricas de séculos diferentes. O imperador Carlos Magno, era um rei católico francês, que viveu entre os anos de 742 e 814 depois de Cristo, foi um monarca guerreiro, expandiu o Reino Franco até que este se tornou o Império Carolíngio, que incorporou a maior parte da Europa Ocidental e Central. Durante o seu reinado, ele conquistou o Reino da Itália.

Enquanto o Rei Arthur e Os Cavaleiros da Távola Redonda são as sagas mais famosas que envolvem o Ciclo Arturiano criadas pelo romancista inglês Thomas Malory. Contam a história de Arthur que um dia tirou a espada Excalibur da pedra e se tornou rei e comandou uma das maiores sagas contadas em livros da história.

Na história do Rei Arthur a Távola Redonda é uma grande mesa redonda onde os Cavaleiros do Rei Arthur faziam reuniões. Nessa mesa não havia pontas pois eram todos considerados irmãos e iguais, essa mesa foi muito importante para o andamento da história. Foi lá onde os guerreiros e o próprio Artur fizeram reuniões de batalha.