Responsive Ad Slot

DialogAção: o golpe como você nunca (ou) viu

Postado por Luan

19/07/2016 0:40


Crédito: Reprodução

O Coletivo Rosas Pela Democracia,  inicia a partir de hoje (19) às 10 horas da manhã o projeto DialogAção para debater o golpe e apresentar o impacto dele na descontinuidade e usurpação de direitos já instituídos. A senadora Vanessa Grazziotin será a primeira dialogadora. Por meio do Facebook, os usuários poderão enviar perguntas aos “dialogadores” do dia e acompanhar a discussão em torno das áreas da saúde, direitos humanos, combate à corrupção, inclusão social, democratização da mídia, entre outros.

“A proposição surge com o intuito de unirmos duas forças que tem se destacado na luta contra o Golpe: as redes sociais, como contraponto a esta mídia ilegítima, e a presença das mulheres como protagonistas na luta.”, afirmam as organizadoras.

O DialogAção ocorrerá todas as terças-feiras, em dois horários (manhã e tarde) até a votação final do processo de impeachment no Senado Federal.

Sobre o Coletivo

O Coletivo Rosas pela Democracia reúne mulheres de esquerda, pluripartidárias, cujo lema é “Nenhum Direito a Menos, Nenhum Passo Atrás.”.  Nasceu em 18 de abril de 2016, dia seguinte à votação da admissibilidade do processo de impeachment na Câmara dos Deputados, pela indignação com o resultado da votação, além do caráter machista, misógino, sexista do golpe em curso. O primeiro ato político foi o “ABRAÇAÇO pela Democracia – Mulheres com Dilma”, que aconteceu no Palácio do Planalto. A entrega das rosas tornou-se um símbolo de apoio à luta e respeito a presidenta Dilma Rousseff por todo o País.