Responsive Ad Slot

TITULO DA CAMPANHA

Narcisa sobre Xuxa: “E ainda me chamam de louca?”

Postado por Simone de Moraes

21/05/2012 23:50


Crédito: MATHEUS CABRAL/DIVULGA

Por Cristina Padiglione – Não vamos tripudiar em cima da desgraça alheia, por favor.

Xuxa contou em rede nacional, há pouco, pelo Fantástico, que sofreu abuso sexual quando criança, até uns 13 anos, isso é triste. Tudo bem que primeiro tenha falado em “algumas vezes” e que não sabia quem era o agressor, tendo depois dito “muitas vezes” e mencionado dois personagens.

Mas triste também é mencionar ações com quem não está mais aqui para se defender, caso do amor por Ayrton Senna e do pedido de casamento feito pelo staff de Michael Jackson.

O relato sobre o início do romance com Ayrton Senna é repleto de detalhes. Já o desfecho, aconteceu assim de repente, porque os dois estavam trabalhando muito. Oi? Disse a loira que tinha realmente decidido ir atrás dele naquela véspera da morte, em Bolonha, como se o rapaz, ali, fosse livre e desimpedido. Ora, pode a família dele gostar ou não, Senna nunca esteve tão publicamente envolvido com alguém como estava naquele momento, com dona Adriane Galisteu, viúva oficial, sim, como lhe negar o posto? Xuxa a tratou como um poste.

Melhor do que ver a entrevista, e aí vão todos os louros ao Cláudio Manoel, que estava do outro lado da câmera cutucando suas perguntas, foi assistir à cena acompanhando o Twitter. Ver TV com quem você segue é um fórum de discussão impraticável na vida real: só mesmo na web você pode ter a Narcisa Tamborindeguy na mesma sala que o Ricardo Noblat, o Marcelo Médici, o Hugo Gloss e o próprio Cláudio Manoel, né não?

Narcisa, aliás, postou o melhor: “E Vocês ainda me chamam de louca?”

Mika Lins comentou que “depois que morre, é essa merda mesmo”, em referência à menção a MJ e Senna. “Que deselegante”, emendou a atriz em outro tweet, plagiando no melhor sentido o bordão da Sandra Annenberg.

“Não sei o que a Xuxa está tomando, mas eu também quero”, dizia outro comentário.

O perfil que se apresenta como @catupiry se saiu com essa: “Senna queria Xuxa, morreu, Michael Jackson queria Xuxa, morreu. Qual é o nome do filme? ‘Pelé Eterno’”

A entrevista alcançou o topo dos assuntos mais comentados em São Paulo pela rede de microblogs enquanto ainda estava no ar, e continua rendendo. Vai ser assunto certo para as rodas de conversa desta segunda-feira.

Agora com licença, que vou buscar minha nave. Tchau tchau.

(Visited 1 times, 1 visits today)